Centro Histórico de Paraty
A primeira coisa que passa na cabeça das pessoas ao falar do Rio de Janeiro é: praias, mas o RJ é muito mais que isso. Por isso, nesse post, vou mostrar para vocês um pouco sobre a cultura e o centro histórico da pequena cidade de Paraty.
Considerado pela UNESCO como ”o conjunto arquitetônico colonial mais harmonioso”, o Centro Histórico de Paraty possui 31 quarteirões e em quase todas as esquinas há três cunhais de pedra lavrada, formando o símbolo maçônico que representa Deus. As calçadas das ruas de Paraty são de pedras irregulares, já que as tropas de mulas que faziam o carregamento de ouro e café, muitas vezes ficavam presas na lama.
Paraty foi, na verdade, uma cidade planejada. Engenheiros militares portugueses definiram como seriam as ruas e construções em geral, seguindo o padrão das cidades portuguesas. Nos famosos sobrados coloridos encontramos lojinhas de artesanato, restaurantes, pousadas e grandes construções coloniais.
Casa da Cultura

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Sobrado representativo da arquitetura do século XVIII, construído em 1974, foi inicialmente uma escola, e depois uma boate, e em 1990 foi transformado na atual Casa da Cultura. Possui uma exposição permanente mostrando o cotidiano paratiense e ainda informações e histórias para os turistas.

Biblioteca Municipal Fábio Villaboim

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Criada em 1905, possui um acervo de mais de vinte mil livros de documentos e livros históricos, e também livros de assuntos gerais. E como eu carrego um grande amor por livros, não poderia deixar de mencioná-la aqui.

Museu de Arte Sacra

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Funciona na Igreja de Santa Rita, fundado na década de 70. No seu acervo encontra-se relíquias religiosas encontradas e recolhidas de outras igrejas na cidade e ainda objetos em prata e ouro, artefatos sacros e imagens de santos.
Não há apenas esses lugares, mas o Centro Histórico de Paraty é sem dúvidas gigante e esses foram meus lugares favoritos na cidade. Mas vale a pena conferir os outros sobradinhos coloridos e igrejas.
Todas as cidades do estado do Rio possuem um grande acervo histórico e contribuição na diversificada cultura brasileira, mesmo que não nos sejam mostrados.
Então pessoal, esse foi meu primeiro post aqui no Desenrola Carioca e eu nem me apresentei para vocês. Me chamo Amanda, mas podem me chamar de Mandy, e vou escrever sobre literatura, crônicas e cultura para vocês aqui. Meu blog é o Adocemente e lá eu falo sobre assuntos diversos e, livros, é claro.
Espero conhecer melhor vocês.
 Beijos <3

COMENTÁRIOS

Não existem comentários

DEIXE SEU COMENTÁRIO