Categoria: Cariocando por aí

Centro Histórico de Paraty
A primeira coisa que passa na cabeça das pessoas ao falar do Rio de Janeiro é: praias, mas o RJ é muito mais que isso. Por isso, nesse post, vou mostrar para vocês um pouco sobre a cultura e o centro histórico da pequena cidade de Paraty.
Considerado pela UNESCO como ”o conjunto arquitetônico colonial mais harmonioso”, o Centro Histórico de Paraty possui 31 quarteirões e em quase todas as esquinas há três cunhais de pedra lavrada, formando o símbolo maçônico que representa Deus. As calçadas das ruas de Paraty são de pedras irregulares, já que as tropas de mulas que faziam o carregamento de ouro e café, muitas vezes ficavam presas na lama.
Paraty foi, na verdade, uma cidade planejada. Engenheiros militares portugueses definiram como seriam as ruas e construções em geral, seguindo o padrão das cidades portuguesas. Nos famosos sobrados coloridos encontramos lojinhas de artesanato, restaurantes, pousadas e grandes construções coloniais.
Casa da Cultura

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Sobrado representativo da arquitetura do século XVIII, construído em 1974, foi inicialmente uma escola, e depois uma boate, e em 1990 foi transformado na atual Casa da Cultura. Possui uma exposição permanente mostrando o cotidiano paratiense e ainda informações e histórias para os turistas.

Biblioteca Municipal Fábio Villaboim

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Criada em 1905, possui um acervo de mais de vinte mil livros de documentos e livros históricos, e também livros de assuntos gerais. E como eu carrego um grande amor por livros, não poderia deixar de mencioná-la aqui.

Museu de Arte Sacra

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 04/03/15

Funciona na Igreja de Santa Rita, fundado na década de 70. No seu acervo encontra-se relíquias religiosas encontradas e recolhidas de outras igrejas na cidade e ainda objetos em prata e ouro, artefatos sacros e imagens de santos.
Não há apenas esses lugares, mas o Centro Histórico de Paraty é sem dúvidas gigante e esses foram meus lugares favoritos na cidade. Mas vale a pena conferir os outros sobradinhos coloridos e igrejas.
Todas as cidades do estado do Rio possuem um grande acervo histórico e contribuição na diversificada cultura brasileira, mesmo que não nos sejam mostrados.
Então pessoal, esse foi meu primeiro post aqui no Desenrola Carioca e eu nem me apresentei para vocês. Me chamo Amanda, mas podem me chamar de Mandy, e vou escrever sobre literatura, crônicas e cultura para vocês aqui. Meu blog é o Adocemente e lá eu falo sobre assuntos diversos e, livros, é claro.
Espero conhecer melhor vocês.
 Beijos <3
Arquitetura: Cinelândia
Hey, hey! Nesse mês vocês irão começar a ver umas carinhas novas por aqui, incluindo a minha. Me chamo E.Mateus (Ton), e vou apresentar aqui artigos sobre Arquitetura e decoração, muito deles obviamente inspirados no Rio de Janeiro.
E aproveitando o aniversario do Rio de Janeiro, nada mais justo que falar sobre um dos locais mais importantes para a historia e arquitetura da cidade: A Cinelândia.
Cinelândia é o nome popularmente atribuído para a região da Praça Floriano. O local ganhou esse nome na década de 30. Muitos teatros, casas de show, restaurantes e bares abitavam essa região, fazendo-a ficar conhecida como área de entretenimento popular.
Grandiosas e Deslumbrantes construções com os mais diferentes estilos: Neoclássico, Art Nouveau e Art déco. Tomam conta dessa região.
Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Theatro Municipal
Foto: Rio Tour

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Biblioteca Nacional ( Neoclássico)
Foto: Rio Tour

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Centro Cultural Justiça Federal
Foto: Halley Pacheco de Oliveira

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 27/02/15

Wolfgang Amadeus Mozart (Amarelinho)
Foto:Ladyce West

Ao fim dos anos 70, mudanças na instrutura da cidade, e a instalação do metrô, ocasionaram a demolição do  Palácio Monroe, antiga sede do Senado Federal. Na minha opinião uma grande perda para historia Brasileira e Carioca. Hoje, um chafariz, denominado de Chafariz do Monroe, fica localizado em seu antigo terreno, na Praça Mahatma Gandhi.
Cinelândia se destaca no meio da cidade, pois provoca um certo contraste por ter em seu prédios modernos, e de diferentes épocas.
Curiosidade: A Cinelândia foi o cenário de importantes manifestações do Rio de Janeiro. Por isso, é um dos maiores locais de referência para manifestações políticas até hoje.
A cinelândia é um dos mais importantes históricos da arquitetura brasileira, que certamente na época era influenciada pelas construções de outros continentes. Certamente é um local que vale a pena conhecer se você for ao Rio de Janeiro. Nossa história precisa ser valorizada.

Abraços! E até a próxima.
Visite meu blog.

As férias e o verão estão ai batendo na porta. Cansado de praia? Então vem ver a lista de cinco lugares incríveis que listei para você que está de passagem pelo Rio ou para nós, os próprios cariocas!

1- Museu Internacional Arte Naif

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

O Naif se localiza em um casarão da Rua Cosme Velho, este museu é dedicado à uma arte mais simples que geralmente é feita por pessoas sem uma formação acadêmica. Mas vale muito a pena ir, sempre tem alguma novidade por lá.

2- Feira do Lavradio

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

A feira que acontece todo primeiro sábado do mês na Rua do Lavradio, reúne de tudo um pouco.

3- Trilha do Morro Dois Irmãos

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Uma vista magnífica do Rio de Janeiro, a trilha do morro dois irmãos fica no Vidigal onde acontece diariamente a saída para essa visão extraordinária.

4- Mosteiro de São Bento

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Este lugar sem dúvidas me inspira. Sou apaixonada por literatura e o Mosteiro de São Bento que fica no Centro do Rio trás consigo seus traços barrocos

5- Santa Teresa

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 29/11/14

O bairro mais charmoso e boêmio desta cidade e não podia faltar nessa lista, sim Santa Teresa. Com muitos restaurantes, barzinhos e programas culturais, é claro que vira parada obrigatória na cidade maravilhosa.

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Passamos tanto tempo focados em buscar destinos estrangeiros para viajarmos, que às vezes, esquecemos da beleza que existe no Brasil. Listei treze lugares que de tanta beleza, viram verdadeiras inspirações para viajantes e mochileiros. Quem sabe na sua próxima viagem, você não visite algum desses destinos?

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Praia de Ponta Verde, Maceió

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

São Thomé das Letras, Minas Gerais

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Pedra Furada, Jericoacoara – Ceará

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Fernando de Noronha, Pernambuco

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Lençóis Maranhenses, Maranhão

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Maragogi, Alagoas

 

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Lagoa Azul, Ilha Grande
Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Chapada dos Veadeiros, Goiás

 

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Chapada dos Guimaraes, Mato Grosso do Sul
Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Parece pintura né, mas não. Este lugar é o Jalapão que fica em Tocantins
Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Gruta Azul, Chapada Diamantina
Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Canyons do Xingó, Sergipe

 

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog 11/11/14

Bonito, Mato Grosso do Sul
Já visitou algum desses lugares? Conta pra gente ou faça seu roteiro!
Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

Nem sei ao certo por onde começar a escrever esse post. Por isso, vou apenas postar algumas fotos e comentar sobre a hospedagem e o que passei por lá. Voltei de Paty do Alferes faz 2 semanas e já estou com muita saudade da cidade! <33 E antes que me perguntem, eu não fui à festa do tomate!

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

Me surpreendi demais com o lugar e voltei apaixonada pela pureza que essa arvore passava. Não passeamos pelo lugar onde o hotel ficava, mas pela ida e pela volta reparei que era uma região cheia de casinhas coloridas e humilde, principalmente com bares nas esquina. As fotos foram tiradas no hotel.Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

A ideia da viagem era descansar e comer muito hahaha. A Dani, nossa parceira de postagem, comentou sobre o Arcozelo (hotel) que sempre ia e disse que lá a partir de junho era realizado uma festa junina/julhina/agostina com um monte de comidinhas tipicas liberadas <333. Se você quer descansar lá é um ótimo lugar, tive alguns problemas em relação ao frio, rs. Para minha primeira experiência no frio diria que foi satisfatória, mas confesso: virei uma especialista em girar milimetricamente a torneira do chuveiro para regular a temperatura da água.

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

De dia fazia um sol, mas nada de calor. Ok, vocês podem até discordar, mas eu percebi que carioca não tem casaco realmente quente. Gente, pera, estamos acostumados com nosso Rio 50º, nessa viagem perdi quase meus movimentos por ter que vestir uma 3 ou 4 blusas, uma em cima da outra. Mas me senti muito chique e rica a noite por usar sobretudo hahahaha.

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 16/08/14

A viagem foi perfeita, o hotel maravilhoso, descobri que não sou muito amiga do frio e prefiro o tempo fresco, afinal ter seus pés congelados e acordar de madrugada e sentar no assento da privada, que congela, definitivamente pra mim não dá! Beijos gente, espero que tenham gostado!

Coisa que todo carioca faz…

“Carioca exagera tudo, pra baixo e pra cima. (Exagero mesmo, afinal aqui tudo é melhor e maior do mundo, mesmo não sendo). Se falar que é perigoso, ele não nega, diz que é “perigoso pra caralho”. Trata sua cidade como filho, só ele pode falar mal. Cariocas não marcam encontro, simplesmente se encontram. A confirmação de um convite aqui não quer dizer nada. Você sugere “Vamos?”, eles dizem “Vamo!”, o que não implica em ter aceitado a sugestão. Hora marcada no Rio é “por volta de”. Domingo é domingo. “E relaxa irmão, pra que a pressa?” Em 5 minutos são amigos de infância, no segundo encontro te abraçam e já te colocam apelidos (Afinal, temos amigos em qualquer lugar). Não te levam pra casa, te convidam pra rua. É curioso, mas é que a “rua” aqui é tão linda que se trancar em casa é desperdício (Olhe só onde moramos? Depois somos considerados marrentos). Cariocas andam de chinelo e não se julgam por isso. São livres, desprovidos de qualquer senso de sofisticação. Ao contrário, parecem se sentir mal num ambiente formal e de algum requinte. “Porra” e “Olha só” é um termo que abre toda e qualquer frase na cidade.

Cariocas são pouco competitivos. Eu acho isso maravilhoso, afinal, venho da terra mais competitiva do país. E confesso: competir o tempo todo, cansa. Acho graça quando eles defendem o clube rival, pelo mero orgulho de dizer que “o futebol do Rio” vai bem. Eles nem notam, mas às vezes se protegem. Eles amam essa porra. É impressionante. Carioca é o povo mais brasileiro que há, mas que é tão orgulhoso do que é, que nem parece brasileiro. Tem um sorriso gostoso, um ar arrogante de quem “se garante” (Damos inveja nos “não cariocas” pelo fato de sermos cariocas e ainda nos indignamos e soltamos um “fala sério”). Papudos, malandros, invocados. Faaaaalam pra cacete. E sabem que estão exagerando. Eles acham que sabem o que é frio. Imagine, fazem fondue com 20 graus?!? A Barra é longe. Búzios, logo ali! Niterói é um pedaço do Rio que eles não contam pra turista, só eles aproveitam. Nilópolis é longe. Bangu também. Madureira é um bairro gostoso. O Leblon vale os 22 mil por metro quadrado sugeridos pelos corretores. Aliás, corretores no Rio são bem irritantes. Carioca, num geral, acha que está te fazendo um favor, mesmo se estiver trabalhando. É tudo absolutamente pessoal, informal. Se ele gostar de ti, te atende bem. Se não, não. Tá com pressa? Vai se irritar. Eles não têm pressa pra nada. Sabe aquela garota gostosa que sabe que é gostosa? Cariocas sabem onde moram. O bairrismo deles é único. Nem separatista, nem coitadinho. Apenas orgulhoso. Ao invés de odiar um estado vizinho, o sacaneiam e se matam de rir de quem se ofende.

          Cariocas têm vocação pra ser feliz. São tradicionais, não gostam que o mundo evolua. Um novo prédio no lugar daquele casarão antigo não é visto como progresso, mas sim com saudades. São folgados. Juram ser o povo mais sortudo do mundo. E quem vai dizer que não? No Rio, você vira até mais religioso. Aquele Cristo olha você todo santo dia, de braços abertos. Não dá! Você começa a gostar do cara… E aí vem a sexta-feira e o dom de mudar o ambiente, sem mexer em nada. O Rio que trabalha vira uma cidade de férias. As roupas somem, aparecem os sorrisos à toa, o sol, o futebol, o samba, o Rio. (…) Chamam o garçom pelo nome, os colegas de “irmão”. Sorria, abrace-os quando encontrar. Aceite o convite, mesmo que você não vá. Faça planos para amanhã, esqueça-os dez minutos depois. Faça amigos, o máximo de amigos que conseguir. Quanto mais amigos, mais cerveja, mais risadas, mais churrascos, mais carioca você fica. E quanto mais carioca você é, mais você ama o Rio. Como eles. Gosto deles. Gosto de olhar pra frente e não ver onde acaba. Gosto de sol, de abraço, de rir muito alto e de não me achar um merda por estar sem grana. Gosto de como eles se viram. Gosto da simplicidade e da informalidade que os aproxima do amadorismo. A vida não tem que ser profissional. Tem que ser gostosa. E de gostosa, convenhamos, o Rio tá cheio. Ops! Desculpa, amor! Escapou.” – Autor Desconhecido
Um Tour pela Cidade Maravilhosa

Olá meninas, para começar com o pé direito irei mandar uma dica cultural que vocês provavelmente irão amar. Agende o dia 23 de agosto, sábado, das 10h às 18h, para passear e conhecer o melhor da nossa cidade tão querida. O Rio Ônibus irá promover a terceira edição do Circuito Cultural, passando por seis pontos turísticos importantes da cidade, sendo eles:

1- Fortes de Copacabana (haverá uma apresentação às 18h com a Orquestra Violão do Forte)

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

2- Forte do Leme

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

3- Monumento aos Pracinhas (destino final)

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

4- Centro Cultural Banco do Brasil

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

5- Museu Histórico Nacional

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

6- Museu de Arte do Rio

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 06/08/2014

E sabe a melhor parte? O Rio Ônibus irá levar gratuitamente a todos esses pontos turísticos. Agora não tem mais desculpa! Se você se interessou e quer saber  como desfrutar dessa belezura, para iniciar ou terminar o percurso basta ir em um desses pontos turístico citados e não precisa se inscrever. Divirta-se. Depois conte a nós sua experiência aqui por comentários e marcando a gente na tag #desenrolacarioca pelo instagram!

No corpo do povo!
Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

Em tempos de copa, não há momento melhor para ver o que está no corpo do povo. Recentemente eu visitei o Fifa Fan Fest nas areias de Copacabana e puder perceber o que as pessoas mais usaram em quesito roupas e acessórios. E o bom é que não vi em apenas mulheres e meninas Brasileira, mas sim do mundo todo.

Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

Sem dúvidas, essa foi a peça que eu mais vi nas ruas. O calor era forte, então a malha do cardigan era bem fininha, e na maioria das vezes era apenas uma renda florida. Essa é uma peça chave para não deixar o look tão básico e pelo visto, está mesmo no corpo do povo. O comprimento dele sempre era maior que a parte de baixo, isso é bom porque alonga quem usa. Ele pode ser usado tanto de dia como de noite, tudo de bom para quem passa o dia inteiro na praia.

Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

E parece que uma velha amiga está de volta. Há poucos anos atrás essa sandália era febre e todo mundo tinha uma, aposto que você ainda tem lá no fundo da sapateira. Todas as mulheres que eu vi usando, estavam com a de maior comprimento. Sim, essas que vão até o joelho. Eu particularmente adoro, porque dá um “tchan” a mais e chama bastante atenção.

Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

Foto: Montagem, postada na antiga url, dia 02/07/2014

Devido ao calor, a salvação de muitas pessoas foi o chapéu. Ele nunca sai de moda, vi chapéus de várias cores, estilos e com acessórios. O lance é customizar de acordo com o seu gosto, pode colocar uma flor, pode ser com a bandeira do seu país ou até das cores do mesmo. Também pude ver a coroa de fores, que foi febre a pouco tempo atrás e ainda se mostra forte. Vista na maioria das vezes em meninas mais jovens, a coroa é um acessório super fofo e perfeito para o dia.

Pude perceber os mais variados jeitos de se vestir, e vi também as diferenças. As pessoas de cada país tem um jeito especial de se vestir. Os americanos se vestem de forma mais despojada e os Europeus são bem mais “clássicos” e recatados. E ai, o que achou? Isso também anda no seu corpo? Comente!

Que é o festival mais colorido do mundo ninguém tem dúvidas!! É comemorado faz tempo no hemisfério norte, onde celebra o inicio da Primavera. Mas, os brasileiros também aderiram a ideia de promover a união de diferentes culturas, aproximando as pessoas e inspirados nesses valores onde podemos esquecer os rótulos que a sociedade impõe e compartilhar a alegria entre amigos com muita música eletrônica e uma sensação indescritível de alegria colorida. Eu fiquei encantada e claro que tratei de ir haha, mas tive algumas decepções. Segue algumas fotos do evento:

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 11/11/14

Foto: Geovanna, postado na antiga url do blog 13/01/15

A comemoração aconteceu neste domingo no Via Park, a organização deixou por desejar, a fila era quilométrica e tudo lá era um pouco caro (uma água custava cinco reais :O). Ao chegar você trocava seu ingresso por dois pacotes de pó colorido e o colorblast acontecia de uma e uma hora. Caso você quisesse mais pózinho era preciso comprar! Por fim, a mistura das cores te deixava com um aspecto de quem rolou na lama e isso pra quem voltou de transporte público não foi nada legal. #Volteidaguerra #Sófuiparalimparoevento

É isso pessoal, alguém foi nessa festa? Conte sua experiência… Beijossss coloridosssss!

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 30/06/2014

Foto: Achados do Google, postado na antiga url do blog, dia 30/06/2014

Viajar nas férias é uma delicia, mas fazer as malas é sempre um pesadelo pra mim! Existem roupas que não podemos esquecer de jeito nenhum para não passar apuros longe de casa, mas também não dá pra exagerar e levar na bagagem peso a toa, afinal a mala não pode ser uma versão móvel do seu closet! No geral temos o costume de levar mais coisas que os homens, afinal tudo parece indispensável haha, mas precisamos por prioridades e saber o que pode ser deixado de lado. A boa noticia meninas é que com a aplicação de alguns passos simples na hora de arrumar a mala podem ajudar a ganhar espaço (o que é difícil de aplicar quando você vai pro frio, massss vamos tentar) e contribuem para que as roupas cheguem sem amassados e sem contar que fica bem mais fácil de encontrar durante a viagem. Então, vamos deixar o desespero e dar lugar a organização!

Foto: Montagens da Gê, postado na antiga url do blog, dia 30/06/2014

Foto: Montagens da Gê, postado na antiga url do blog, dia 30/06/2014

Fiz um atalho pra tentar ajudar vocês, não esqueçam de fazer um checklist das coisas de higiene e do básico mesmo. Uma dica que eu sempre uso ao arrumar minha mala é por o mais pesado por baixo, sapatos, casacos, calças e assim segue.

Não esqueça de compartilhar com as amigas e creditar caso divulgue por aí! E você que vai pro frio: como se organizou com as malas? O que levou? Quais são suas dicas? Comentem!
Beijoss e queijoss!